PLANTA NOVA na COLEÇÃO, precisa REPLANTAR? PEPEROMIA RAINDROP - COMO CULTIVAR

Em: Blog Mania de Flor Em: Hit: 1009

Comprei uma plantinha nova, e agora, preciso mudá-la de vaso? Nesse vídeo vou te falar quando isso precisa ser feito imediatamente e quando você pode esperar.

Também vou falar sobre uma planta para cultivarmos dentro de casa que é a Peperomia Raindrop, que além de linda é segura para os animais de estimação.

1ª DICA

Observar a saúde geral da planta, como estão as folhas: tem manchas, pintinhas; como está o caule: está firme, tem sinais de doenças?

Veja o aspecto de toda planta e eu digo isso porque sei por experiência própria, que nem sempre escolhemos uma planta linda, às vezes estamos em busca de uma espécie e quando a encontramos, compramos mesmo que ela não esteja tão bonita, não é?

Então se for este o caso, opte em mudar a sua nova planta de vaso, pois o motivo dela não estar tão bonita pode estar relacionado à saúde das raízes.

2ª DICA

Avaliar a qualidade do substrato que sua planta está. Pode ser que ela não tenha nenhum sinal de praga ou doença, mas esteja com um aspecto pálido ou só de olhar você perceba que o substrato está muito compactado, pobre de nutrientes ou ainda que não seja o substrato ideal para aquela espécie.

Neste caso é preciso mudar a planta de vaso e eliminar grande parte do substrato que ela veio plantada e replantá-la num substrato adequado para aquela espécie e um substrato rico em nutrientes.

3ª DICA

A terceira dica é que você deve mudar a sua planta de vaso se você observar que ela está num recipiente muito pequeno. Quando você observa que o vaso já está ficando deformado por conta do excesso de raízes, ou que você observa que as raízes estão saindo para fora do vaso pelos furos de drenagem. 

Uma outra situação que você observa que o vaso está pequeno é quando você rega sua planta e ela seca muito rapidamente mesmo estando com substrato correto. Isto é um sinal que já tem pouco substrato para a quantidade de raízes da planta, então o ideal é mudá-la para um vaso maior com mais substrato.

PEPEROMIA RAINDROP

Esta peperomia, que tem as folhas em formato de gotas de chuva e que por esse motivo tem o nome de Raindrop, é originária das florestas tropicais das Américas, portanto é uma planta que gosta de calor e para quem, assim como eu, mora em regiões mais frias do país, precisa protegê-la no inverno de ventos frios ou de possíveis geadas.

Ela deve ser cultivada em um local com claridade natural abundante, mas sem necessidade de receber o sol diretamente sobre ela. Caso o espaço que você escolher para colocá-la receba um pouquinho do sol fraco da manhã ou do final da tarde não tem problema, mas não deixe sua Peperomia Raindrop receber o sol forte pois isso pode queimar suas folhas.

SUBSTRATO

O substrato que vamos utilizar deve ser soltinho e rico em matéria orgânica. Por isso vou misturar junto a terra vegetal, húmus de minhoca, mas você também pode utilizar algum esterco de animal bem curtido, um pouco de casquinhas de árvore e carvão triturado para que essa terra não fique compactada com o passar do tempo e um pouco de areia grossa de construção para que esse substrato tenha uma boa drenagem do excesso de água durante as regas.

REGA

Após o plantio é bom regar bem para que o substrato se acomode e elimine possíveis bolsões de ar que se formam durante o plantio. As próximas regras você só irá fazer quando tocar o solo e sentir que ele está levemente seco.

ADUBAÇÃO

O ideal é adubar 1x por mês sua planta com o adubo da sua preferência, e sempre seguir a dosagem recomendada pelo rótulo do fabricante. Nunca adubar plantas no momento que estejam recebendo sol e sempre regar em seguida. Eu gosto muito do bokashi por ser um adubo bem completo e de origem orgânica, então fica aqui a minha dica de adubo.

Eu espero que você tenha gostado desse vídeo, não esqueça de clicar em curtir e se inscrever no meu canal.

Nos vemos no próximo vídeo, um beijo e até lá!