LAMBARI - COMO FAZER MUDAS, PODA e REPLANTE

Em: Blog Mania de Flor Em: Hit: 4906

Eu quero saber se você tem aí na sua casa um vaso de Lambari que está meio mirradinho, com os galhos compridos e a planta não está viçosa. Tem? Então nesse vídeo eu vou te ensinar como deixar o vaso de Lambari bem cheio!

Vou te mostrar como podar, replantar e como fazer mudas na prática, já que vou fazer tudo isso nestes meus 3 vasos de Lambari.

PODA

Vou começar fazendo uma poda radical para tirar o comprimento excessivo dos galhos. Isto é um processo que pode ser feito com frequência, pois quanto mais podamos, mais os galhos vão engrossar e a planta vai ficar mais cheia. Com o tempo, conforme os galhos vão ficando compridos, eles vão ficando mais finos, as folhas menores e os espaçamentos entre elas maiores, ou seja a planta fica rala.

Você pode podar usando uma tesoura, ou até a ponta dos dedos pois o galho quebra facilmente. Também já vou aproveitar para fazer uma poda de limpeza e vou retirar todos os galhos e folhas secas.

MUDAS

No momento da poda já separamos os galhos mais sadios, pois basta pegar um pedaço para fazer uma muda. É preciso prestar atenção no momento de plantar para deixar um nozinho (que é o local onde saem as folhas e as raízes) enterrado ou em contato na água, caso você opte em esperar o galho enraizar antes de fazer o plantio na terra.

SUBSTRATO

O substrato que eu vou usar é uma mistura de terra vegetal, casquinhas de árvore, carvão triturado, e areia grossa de construção. Vou acrescentar um pouco de torta de mamona, que é um adubo orgânico rico em nitrogênio e que vai ajudar esse substrato a ficar mais nutritivo neste momento.

*Lembrando que a torta de mamona é tóxica, então evite usar caso tenha animaizinhos curiosos aí na sua casa.

O substrato precisa ficar bem soltinho porque as raízes do Lambari são fininhas e um substrato compactado não favorece o desenvolvimento da planta. Ele também precisa ter boa drenagem, já que se o substrato ficar encharcado a planta pode apodrecer.

PLANTIO

Vou fazer as camadas de drenagem colocando um pouco de pedra brita no fundo, mas você também pode usar tijolo quebrado ou argila expandida. Vou colocar um pedaço de manta de drenagem e o substrato que eu preparei.

Uma dica é não encher demais o vaso de substrato, pois senão quando vamos fazer a rega a água pode transbordar e a terra escorrer. Então o ideal é fazer o plantio deixando o substrato de 1 a 2 dedos abaixo da borda do vaso.

Para que o vaso fique bem encorpado,  é preciso distribuir as mudas por todo o vaso. Aí basta fazer um furinho, colocar a muda com o nozinho dentro da terra e apertar levemente. Se a gente empurrar o galhinho para tentar fazer o buraco direto ele pode quebrar e a muda não pegar, então opte em fazer o buraco primeiro.

Como os galhos não precisam ser muito grandes, na poda a gente consegue várias mudas. Como eu tenho bandejas de plantio, vou plantar algumas aqui e assim que elas estiverem mais desenvolvidas posso passar para os vasos ou distribuir as mudinhas.

REGA

Sempre após o plantio devemos fazer a rega para assentar o substrato e hidratar a planta. E as regas do Lambari devem ser feitas sempre que tocarmos o solo e sentir que ele está levemente seco.

LUMINOSIDADE

Devemos deixar os nossos vasos de Lambari em ambientes de sombra com bastante luminosidade ou a meia sombra, ou seja, recebendo um solzinho fraco no começo do dia ou no final da tarde.

ADUBAÇÃO

É importante fazer uma adubação frequente para manter a planta bem vistosa. Eu tenho usado o Bokashi que é um adubo orgânico e pode ser colocado 1x por mês, e também o NPK 15.9.8 que tem liberação lenta e por esse motivo é colocado nos vasos a cada 5 meses.

Outro tratamento que eu tenho feito, principalmente no Lambari rosa que sofre por manchas de ferrugem causada por fungos, é aplicação da calda bordalesa que é um composto que nutre a planta e combate às doenças pois é a base de cobre. Os resíduos azulados que se encontram nas folhas são por conta da calda bordalesa.

Agora eu quero saber se você também cultiva lambaris aí na sua casa, me conta nos comentários.

E se você quiser aprender mais sobre essa planta, eu tenho um outro vídeo sobre ele em que também mostro como fazer um suporte para pendurar os vasos usando um galho, então vou deixar o link aqui para você ir dar uma olhadinha lá também: 

E se você gostou desse vídeo não se esqueça de clicar em curtir e se inscrever no meu canal nos vemos no próximo vídeo um beijo e até lá.